sábado, 8 de janeiro de 2011

Qual o tema?

Todo mundo fala do amor, da dor e de sentimentos, fala da ciência, das carências e das decências, fala do certo e do errado, do direito e do esquerdo, fala o que quiser e o que der na veia, todo mundo fala pro mundo o que não dá mais para ficar mudo, fala tudo, mas daquilo que não falam estar na hora de começar a colocar para fora.


Mas do que falam os sonhos quando se ausenta a razão e a alma navega livre, mirando mais que o olhar? Mas o que contam os grilos quando as tristezas se vão e aflora o sonho mais lindo pra quem quiser enxergar?


Do que falam as estrelas nessa noite sem luar? O que cochicham as almas que vagam nesse rincão? Será que a alma do poeta se encontra nesse lugar, ou será mais uma estrela luzindo na imensidão?

Ninguém sabe, ninguém viu, mas de repente o estio se tornou inundação do mais bonito dos rios.
A alma agora é vertente, é paixão, é ventania - É a palavra mais fluente num grito de rebeldia.

Fala de terra, de gente, de tudo o que vale à pena, a alma se fez um sonho e o sonho mostrou o tema. Será a flor da poesia, delírio de um sonhador? Será o tema um espelho das fantasias da alma, de alguma ânsia escondida?


O tema veio num sonho, no maior sonho de amor - O tema veio num sonho, um sonho chamado vida!

Saiba que você já pode começar a plantar as sementes de seus sonhos.

1 comentários:

Roberta Galdino disse...

oi adorei teu blog
te sigo
me visita e segue?
bjos

http://rgqueen.blogspot.com/

Postar um comentário